Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro

Somos um movimento de organizações da sociedade que a partir da identificação, sistematização e mapeamento de experiências procura se articular no estado com o objetivo de fortalecer as iniciativas agroecológicas

Materiais da Caravana Agroecológica e Cultural da Região Metropolitana do Rio de Janeiro

Cadernos da Caravana

A Caravana Agroecológica e Cultural do Rio de Janeiro, realizada entre os dias 19 e 21 de novembro de 2013, compõe um conjunto de iniciativas que estão em curso no país na preparação do III Encontro Nacional de Agroecologia (ENA), que será realizado em maio em Juazeiro (BA). As Caravanas são estratégias de mobilização descentralizadas e geograficamente situadas em territórios, onde disputas políticas de diversas naturezas incidem.

seu oseias

As Caravanas apontam-se como exercícios descentralizados de análise coletiva visando contrastar padrões opostos de desenvolvimento, estimulando um olhar integrado sobre os territórios. Essa opção metodológica busca possibilitar a convergência de diferentes dimensões relacionadas ao fortalecimento da agroecologia e ao reconhecimento dos conflitos em curso no espaço de disputa físico, político e ideológico onde a agroecologia se insere.

Dessa forma, localizam-se como objetivos centrais da Caravana, o processo preparatório para o III ENA, a partir da reflexão coletiva sobre as questões orientadoras1 indicadas pela Articulação Nacional de Agroecologia (ANA), o estímulo às dinâmicas capilarizadas de mobilização social, a necessidade de explicitar e divulgar contrastes a partir das peculiaridades dos territórios localizados nas macrorregiões brasileiras, uma oportunidade de proporcionar ambientes de debate entre as organizações que compõe a ANA.

A Caravana realizada no Rio de Janeiro buscou evidenciar, a partir das rotas propostas, os intensos conflitos socioambientais que incidem sobre a região metropolitana do Rio de Janeiro e que representam ameaças diretas a agroecologia e a vida camponesa. Especificamente se tratando da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, priorizou-se o reconhecimento das resistências e lutas em curso diante da implantação de megaempreendimentos siderúrgicos, mega eventos esportivos (Copa do Mundo e Olimpíadas), construção civil (empreiteiras), imobiliários, entre outros projetos que ameaçam a agricultura familiar nos assentamentos da reforma agrária, criminalizam os agricultores que coexistem nas Unidades de Conservação e impossibilitam a agricultura urbana, invisibilizada pelas políticas de ordenamento territorial em curso no estado.

Apresentação do Caderno: Caderno Complementar | Conflitos e Resistências

O GT de Comunicação da Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro, apresenta esse Caderno com a missão de ampliar os debates sobre alguns dos principais conflitos e resistências vivenciados na Caravana e fortalecer a divulgação dessas questões nos diferentes canais de comunicação, incidindo de modo complementar ao documento que traz a relatoria completa da Caravana.
Os textos desse caderno foram construídos coletivamente e buscam também estimular outras Caravanas e encontros preparatórios pelo estado do Rio de Janeiro. De modo que o reconhecimento desses conflitos possa articular, aproximar e construir sinergias entre as resistências agroecológicas e fortalecer a luta popular.

Caderno do Participante: veja também o caderno do participante que os Caravaneiros receberam para subsidiar a participação no processo. Várias informações sobre os territórios visitados estão aqui!

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Fotos da AARJ

%d blogueiros gostam disto: